Competências para o Mercado de Trabalho

Além de atuar no projeto conceitual, na concepção dos processos e métodos de fabricação e controle, otimização e qualidade, o Engenheiro Eletricista pode prestar consultorias e elaborar laudos técnicos, pode participar de equipes multidisciplinares em pesquisa básica e tecnológica dentro de empresas privadas, universidades, institutos de pesquisa e nos setores industrial e de serviços especializados. Realiza também a automação de máquinas e equipamentos, projetos de sistemas de comunicação e desenvolvimento de produtos eletro-eletrônicos, os quais podem contemplar alto grau de complexidade com sofisticadas ferramentas e tecnologias.

Competências Técnicas

  • Desenvolvimento de sistemas de controle de processos e de manufatura;
  • Desenvolvimento de sistemas de monitoramento e supervisão;
  • Desenvolvimento de sistemas integrados de Hardware e Software;
  • Desenvolvimento de Sistemas Embarcados;
  • Desenvolvimento de métodos e ferramentas da Engenharia Eletrônica;
  • Desenvolvimento de sistemas de software;
  • Desenvolvimento e manutenção de métodos e técnicas de automação e controle;
  • Ensino e pesquisa;
  • Gerência, operação e manutenção de sistemas de monitoramento e controle;
  • Gerência de equipes multidisciplinares no desenvolvimento de sistemas que demandem integração de variadas competências;
  • Planejamento e controle de qualidade de sistemas da área de Engenharia Eletrônica;
  • Projeto, desenvolvimento e implantação de sistemas integrados